sábado, 1 de agosto de 2009

Domingo - Pra começar bem o dia 6


Filosofia

Hora de comer — comer!

Hora de dormir — dormir!

Hora de vadiar — vadiar!

Hora de trabalhar?

— Pernas pro ar que ninguém é de ferro!

Ascenso Ferreira

O pernambucano Ascenso Ferreira (1895-1965) é um dos maiores poetas brasileiros. Com humor, sátira e originalidade, criou versos definitivos a partir de temas populares. É urgente a republicação de sua obra integral.
* Imagem daqui.

8 comentários:

Luli Facciolla disse...

Amei!

Beijocas!

Gerana disse...

JA: aquele poema "Oropa, França, Bahia" era dele?

Janaina Amado disse...

É dele sim, Gerana - termina assim:
"— As eternas Naus do Sonho, / de "Oropa, França e Bahia... /"
Houve aproximação entre ele e os modernistas.

Bipede Implume disse...

Querida Janaína
Neste momento estou usando um pouco essa filosofia... Tenho a Sandra comigo de férias.
A Ericeira tem todos os terceiros sábados de cada mês o que eles chamam, pomposamente, de Feira de Velharias. Mas não acho, não. Tem algumas, mas o resto é mesmo bugiganga, que eu também adoro.
A Ericeira, minha amiga, é um mundo.
Vou para lá uns dias. Depois mandamos fotos.
Beijinhos. Eu vou dando notícias.
Isabel

Ana Tapadas disse...

Janaina:
Conheço mal esse poeta, mas pelo exemplo é excelente. Hei-de voltar para pesquisar no google alguma coisa sobre ele.
Por agora vou partir...até breve! Mas de peregrina...só nesta vida...
beijinho

maria guimarães sampaio disse...

Janaina, em minha lembrança de menina vejo Ascenso lá em casa de meu pai e minha mãe, recitando!. Será de mesmo? não sei mesmo.
Adoro Ascenso, você tem super razão:"É urgente a republicação de sua obra integral". Vamos entrar nesta viagem?

Janaina Amado disse...

Maria: não conheci o poeta, mas sei que era enorme, altíssimo e corpulento, e costumava usar chapéu de abas largas. Confere com sua memória, na casa de seus pais? Ele pode perfeitamente ter andado por lá, sim.

Celia disse...

Muito bem dito. Bj